Quinta, 11 de Agosto de 2022

Poucas nuvens

Itabirito - MG

Saúde Minas Gerais

Minas Gerais: OMS define alerta para "Varíola dos Macacos" como emergência global de saúde pública. Confira os números atualizados em MG.

Apesar do alerta, recomendações no estado seguem as mesmas

27/07/2022 às 08h23
Por: Raquel Safar Barakat
Compartilhe:
Primeiro caso da doença no Brasil foi registrado em 9 de junho, de São Paulo. (Fonte: Jornal de Brasília)
Primeiro caso da doença no Brasil foi registrado em 9 de junho, de São Paulo. (Fonte: Jornal de Brasília)

No último sábado (23) a OMS (Organização Mundial da Saúde), definiu alerta de emergência global de saúde pública referente à "Variola dos Macacos", e despertou a preocupação de autoridades em todo o mundo.

Em MG, a estratégia continuará a mesma: isolamento dos casos confirmados e monitoramento dos contatos.

Casos em Minas Gerais

No total, 44 pessoas foram diagnosticadas com a doença. A maioria delas, em Belo Horizonte, com 32 casos confirmados e 37 suspeitos.

Ao todo, 9 municípios apresentam casos, sendo eles: Santa Luzia, a segunda cidade com mais casos, tendo três pacientes. Governador Valadares e Sete Lagoas apresentam 2 casos. Cataguases, Juiz de Fora, Contagem, Mariana e Teófilo Otoni, um caso em cada cidade.

As informações foram confirmadas na tarde de segunda-feira (25), pela Secretaria de Estado de Saúde.

Todos os casos no estado são do sexo masculino, com idade entre 22 e 48 anos.
Somente dois pacientes ainda estão internadas devido a necessidade de isolamento. Pessoas que tiveram contato com contaminados seguem em monitoramento.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.