Sábado, 02 de Julho de 2022
14°

Tempo aberto

Itabirito - MG

Entretenimento Ouro Preto e região

Festival de Popularização do Teatro de Ouro Preto começa hoje e vai até domingo

Garantindo a inclusão e acessibilidade, haverá transporte gratuito, tradução em libras e monitor para cego. A entrada é franca. Confira as informações

27/05/2022 às 07h20 Atualizada em 27/05/2022 às 10h09
Por: Jornalismo AgitoMais
Compartilhe:
Festival de Popualrização de Teatro será realizado na Casa da Ópera. Essa é a segunda edição da campanha. (Foto: Festival de Teatro de Ouro Preto).
Festival de Popualrização de Teatro será realizado na Casa da Ópera. Essa é a segunda edição da campanha. (Foto: Festival de Teatro de Ouro Preto).

A partir de hoje, a população de Ouro Preto e região poderá desfrutar da grade de programação da segunda edição da Campanha de Popularização do Teatro de Ouro Preto, que vai até domingo, e oferece, gratuitamente, 7 peças teatrais de comédia, incluindo uma opção infantil, além de cortejos ao ar livre.

O festival será realizado na histórica Casa de Ópera, e os cortejos acontecerão em frente do casarão.

Inclusão e oportunidade

O objetivo do festival também é propiciar uma experiência para a população das áreas periféricas da cidade e região, e incluir portadores de deficiências visuais e auditivas, oferecendo tradução em libras e monitor para cegos.

Além disso, serão oferecidas as clássicas jardineiras, transportando cerca de 180 alunos da rede municipal de ensino de Ouro Preto. Ônibus também vão garantir o acesso de crianças moradoras dos distritos de Santa Rita, Lavras Novas e Antônio Pereira.

Segundo o idealizador do projeto, Leandro Borba, "há uma parte da população da cidade que nunca entrou na Casa da Ópera. A programação cultural não chega até eles, por motivos variados, como falta de informação, dificuldade de transporte, preço de ingresso, entre outros".

Ainda de acordo com o comediante, a intenção é "popularizar a Casa da Ópera, trazendo esse público". Conforme Leandro, esse teria sido o motivo para os organizadores terem escolhido comédia como gênero apresentado no festival.


Programação

Sexta-feira (27)

Iniciando hoje, a partir das 19h, o público poderá conferir a peça "Maio, antes que você me esqueça", que retrata a convivência com o mal de Alzheimer de uma forma leve e divertida (classificação 12 anos).

Em seguida, as 21h horas, é a vez da apresentação de "Como desencalhar depois dos 30", contando a história de solidão de uma mãe solteira, mas abrangendo a linguagem para identificação do público masculino (classificação 14 anos).

Sábado (28)

A comédia "Guara-Parir" promete arrancar muitas gargalhadas do público mineiro, que se identifica com o litoral capixaba e sofre com a ausência de praias no estado. A peça começa as 19h (classificação 12 anos).

As 21h, o público poderá conferir mais um sucesso do ator Carlos Nunes, dando vida ao presidiário Zé da Silva, que conta como foi parar na cadeia após roubar a galinha de estimação da filha de um deputado, na peça "Comi uma galinha e tô pagando o pato" (classificação 12 anos).

Domingo (29)

No último dia do festival, a criançada poderá conferir de pertinho a peça "Os três porquinhos", a partir das 16h, com cenário totalmente lúdico.

Às 16h, quem se apresenta é a "Cia de Humor Desculpa Qualquer Coisa", pioneiros do Stand Up em Minas (classificação 14 anos).

Para encerrar o festival, às 20h, os espectadores vão curtir "Irmã Selma" e os vários personagens do ator Octávio Mendes, como a apresentadora de um programa sensacionalista, um ex gay e outros (classificação 14 anos).

Cortejos ao ar livre

Além das peças teatrais, o público presente poderá se divertir com os cortejos ao ar livre, sempre em frente à Casa da ópera. Quem abre o festival é o cortejo Barroco Jazz, hoje (27), às 18h30.

No sábado (28), também às 18h30 é a vez do Tambor Sambapreto. Geraldo Pessoa se apresenta às 20h30.

No domingo, o encerramento fica sob responsabilidade de Zé Pereira dos Lacaios, às 15h30 e às 19h30.


Retirada de ingressos

Os ingressos ficarão disponíveis até 1h30 antes de cada espetáculo, no anexo do teatro. Cada documento de identidade tem direito a 1 (um) ingresso por espetáculo. A capacidade é de 250 pessoas.

Para mais informações, entre no site www.festivaldeteatroop.com.br


A Casa da Ópera fica na Rua Brigadeiro Musquera, 104.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.